O recorde desconhecido

A história do San Antonio Spurs na NBA é repleta de vitórias e recordes, e qualquer fã da Liga, principalmente o preto e prata, deve saber disso. O que muitos não sabem é que, apesar da fama – com razão – de pouco glamourosa, a franquia texana tem, dentre seus tantos recordes, também o de ser o time mais vezes representado no All Star Game desde que se juntou à NBA, com jogadores em 40 das 44 edições do evento desde então.

Isso mesmo. Desde que chegou à NBA, na temporada 1976/77, nenhuma outra franquia foi mais vezes representada por seus jogadores no All Star Game que o Spurs. Nem mesmo Lakers, Celtics, Bulls ou qualquer outra franquia mais glamourosa supera a de San Antonio nesse quesito.

Representações no All Star Game desde a temporada 1976/77 da NBA (via statmuse)

Esse recorde ficará em San Antonio por muito tempo?

Acontece que, de fato, a Liga e os torcedores casuais parecem não dar o valor que o Spurs merece, como ficou claro no caso de DeRozan não ter sido selecionado para o All Star Game de 2021 mesmo depois das substituições por lesão de Anthony Davis e Devin Booker. E recentemente, talvez por vivermos o período logo após a maior era de nossa história – a era de Tim Duncan – esse “desrespeito” tem se acentuado bastante. Tanto é que das únicas 4 edições de All Star Game da NBA em que não fomos representados, 2 foram justamente nos últimos anos (2020 e 2021). As outras duas foram em 1989 e em 1997.

É que suceder um período tão vitorioso quanto a passagem de Tim Duncan é muito difícil. Para voltar a ter um representante no All Star Game, talvez seja necessário não só alguém que jogue como uma estrela, mas que esteja nas brigas por prêmios da temporada como o de MVP, como foi com Kawhi Leonard, ou que tenha uma narrativa favorável, como aconteceu com LaMarcus Aldridge em 2018 e 2019, quando elevou bastante o seu jogo e manteve o Spurs relevante mesmo após ter sido abandonado por Kawhi.

A história estrelada do Spurs

Como vimos, apesar da falta de glamour, a verdade é que em sua história na NBA o San Antonio Spurs esteve sempre representado por uma ou mais grandes estrelas. Pode-se dizer, inclusive, que foram pouquíssimos os momentos da história em que a franquia não fora liderada por um jogador digno de Hall da Fama do basquete, honraria que chega apenas aos maiores da história do esporte.

Primeiro liderados por George Gervin, depois por David Robinson, e então por Tim Duncan, Manu Ginóbili, Tony Parker e até mesmo Kawhi Leonard, o Spurs sempre esteve em boas mãos.

Hoje, contudo, vivemos um momento de incerteza, e uma pergunta continuará hospedada na mente do torcedor preto e prata até que tenhamos a resposta: quando é que teremos jogadores desse nível liderando o Spurs novamente?

Isso eu não sei, só espero que não demore tanto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s